Unidade de Saúde Mental de Congonhas fortalece vínculo entre paciente familiares e o tratamento celebrando o Natal

Avalie este item
(0 votos)

Uma das grandes premissas para os trabalhadores da Saúde Mental é a compreensão de que não há como separar o indivíduo de sua família e construir esta parceria é um desafio constante. A família é a parceira no cuidado do indivíduo com sofrimento mental. Essa família precisa receber o suporte adequado para superar situações de desgaste físico, emocional, mental e psicológico, sendo necessário receber apoio. É fundamental envolver as famílias no tratamento dos indivíduos com transtorno mental e com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas. Foi com esse entendimento que o Centro de Atenção Psicossocial II (CAPS II) e o Centro de Atenção Psicossocial ao usuário de Álcool e outras Drogas (CAPS AD) de Congonhas realizaram, no CAPS II, a Celebração de Natal em Família, no dia 18 de dezembro, aberta aos pacientes, seus familiares e amigos. A iniciativa de comemorar o Natal, refletir sobre o significado da data em suas vidas e renovar os votos de paz e amor partiu dos pacientes.

A colaboração das equipes e pacientes dos dois setores, assim como de voluntários (como maquiador e esteticista do salão Veloso e Cia., que produziu o visual das pacientes) tornou esse momento possível.

A celebração religiosa ecumênica ficou a cargo do Pastor José Cassimiro Filho, da Igreja Batista de Congonhas, e dos pacientens que leram mensagens religiosas.

O evento foi marcado também por apresentações artísticas: apresentação musical do coral dos PSF Ideal e Jardim Vila Andreza (regido pela médica Amanda Prado Pires); apresentação do Auto de Natal, interpretado por pacientes do CAPS II participantes da oficina de teatro (coordenada pela terapeuta ocupacional do CAPS II, Jamile Alves) e apresentação do coral dos pacientes do CAPS AD (coordenado pelas terapeutas ocupacionais Josane Campos e Carolina Panzera e pela secretária Simone Veloso), com a participação do voluntário Mário Pinto Maria.

Maristelma Pereira dos Santos é mãe de um jovem que frequenta o CAPS II e, sempre que possível, o acompanha em encontros como este. “Meu filho chegou ao CAPS debilitado tempos atrás. Graças às atividades que, a princípio, realizava diariamente lá, como teatro e música, ele tem se recuperado muito bem, haja vista que agora só precisa ir às quintas-feiras. E eventos como este do Natal os ajudam mais ainda a se socializarem. Eu, como mãe, faço minha parte, porque esta recuperação depende muito da gente também. E a dele é percebida dia a dia”, testemunha.


Papai Noel também marcou presença. Convidado pelo Rotary Club de Congonhas, ele distribuiu balas e afeto aos pacientes e seus familiares.
Também como forma de fortalecimento dos vínculos familiares e de celebrar o espírito natalino, o serviço de Terapia Ocupacional do Centro de Referência Psicossocial da Adolescência e da Infância (CERPAI) realizou oficinas terapêuticas para confecção de cartões de natal para que crianças pudessem presentear as suas famílias.

CAPS II

Ainda em comemoração ao Natal, a equipe do CAPS II realizou, nessa quarta-feira, 20, uma festa para seus pacientes. O evento aconteceu nas dependências da unidade e reuniu mais de 50 pessoas, que celebraram a data, fizeram orações, saborearam uma farta ceia e receberam presentes do Papai Noel.

Alguns pacientes aproveitaram momento de oração para destacar a importância do tratamento e cuidados recebidos e estenderam desejos de Feliz Natal e um Próspero Ano Novo aos demais pacientes e funcionários.

A já tradicional festa foi organizada pelos profissionais do setor, com a colaboração de voluntários, como os do Rotary Club, que doaram panetones aos pacientes, outros voluntários que doaram itens da cesta de Natal e o DJ Fael, que garantiu muita música e diversão.

Nesta sexta

As comemorações de Natal seguem no CAPS AD, nesta sexta-feira, 22, onde também acontece ceia de Natal para os pacientes do serviço, apresentação musical de Wanderley (da dupla Wanderley e Warley) e a visita do Papai Noel.

A coordenadora do CAPS II, Jamile A. Pereira, afirma que “as celebrações de Natal em um serviço de saúde mental, além de ser um necessário momento de alegria para os pacientes em tratamento, têm um viés terapêutico, na medida em que possibilita uma experiência de construção compartilhada, vivência de pertencimento, troca de afetos e aumento da autoestima”.

Banner Direita Interna 11
Banner Direita Interna 12
Banner Direita Interna 13
Banner Direita Interna 21
Banner Direita Interna 22
Banner Direita Interna 23

Indicador Congonhas

O Indicador Congonhas é um portal criado pela jornalista Maria Clara Evangelista com o intuito de informar os internautas, principalmente os que moram em Congonhas e nas cidades vizinhas. Aqui você encontra notícias, atualizações sobre o trânsito e a BR 040, colunas, agenda de eventos, catálogo online, fotos e muitos mais. Faça um tour pelo nosso site e conheça o mais completo portal de informações de Congonhas!

Newsletter Indicador

Assinando o serviço de newsletter você não perderá as principais notícias do Indicador Congonhas, elas serão enviadas diretamente para seu e-mail! Para isso basta cadastrar seu e-mail no campo abaixo. O serviço é grátis!

Indicador Congonhas Instagram