Em continuidade ao trabalho intensificado de melhoria de pavimento, a Via 040 está atuando em dezoito pontos da BR-040 entre Belo Horizonte e Juiz de Fora ao longo dessa semana. O objetivo é garantir a qualidade das pistas, em boas condições de trafegabilidade e segurança para os usuários.

Os motoristas devem dedicar atenção especial à sinalização, pois poderá ocorrer bloqueio de uma das faixas nos locais de obras, além de reduzir a velocidade, já que as intervenções podem provocar pontos de lentidão e eventuais retenções de tráfego. As obras são realizadas das 7h às 17h e a Via 040 poderá adotar bloqueio de uma das faixas nos pontos com intervenção, com o tráfego fluindo normalmente na outra faixa.

Na região, haverão intervenções nos seguintes locais:

Congonhas, próximo à Churrascaria Zé Dias

Congonhas, próximo à Vila Cardoso (acesso à LMG-383 / São João del-Rei)

Congonhas, próximo à Vila José Marques

Conselheiro Lafaiete, próximo à região da Barreira

Carandaí, próximo ao Posto de Pesagem Veicular (Balança)

Publicado em Ultimas de Congonhas

A Gerdau realizou, nos últimos dois anos, a doação de mais de 47 mil toneladas de agregado siderúrgico para nove prefeituras da região central de Minas Gerais. Dentre os municípios beneficiados estão Conselheiro Lafaiete, Ouro Branco, Congonhas, Ouro Preto, Rio Espera, Lamim, Santana dos Montes e Moeda. Todo o material doado é utilizado pelos municípios para o recapeamento de vias.

De acordo com o secretário de obras da Prefeitura de Moeda, Lino de Castro, a doação desse material foi essencial para a cidade e contribuiu para o orçamento. “Por ser um município pequeno e possuir poucos recursos financeiros, a doação da Gerdau fez a diferença. Vamos iniciar as obras de recapeamento nos próximos dias em vias utilizadas pelo transporte escolar e, certamente, contribuirá para a melhoria na qualidade de vida dos moradores, explica.

O uso do agregado siderúrgico para o recapeamento tem como objetivo a sustentabilidade e a preservação dos recursos minerais não renováveis. Segundo Castro, a expectativa é que as vias da cidade melhorem 70% após as doações do produto. “Além do benefício na recuperação do asfalto, estamos cuidando da preservação do meio ambiente por meio de iniciativas como essa”.

O agregado siderúrgico surge do processo de produção de aciaria.  Ele é composto de óxidos e silicatos e possui alta resistência ao desgaste. Depois de segregado e beneficiado, pode ser usado em obras de pavimentação, artefatos de concreto, contenção de encostas, na agricultura, em lastro ferroviário e em diversas outras aplicações.

Publicado em Ultimas de Congonhas

A av. JK já está sendo recapeada entre a ponte que fica próxima ao Terminal Rodoviário e o ponto de acesso à BR-040. O serviço já foi realizado do lado direito da pista, no sentido que vai do Centro à rotatória que indica a saída de veículos com destino a Belo Horizonte. O outro lado começa a receber o novo asfalto nesta sexta-feira, 17, data prevista para conclusão dos trabalhos. Em seguida, será feito o alteamento dos bueiros. O Departamento de Trânsito, por meio de seu Departamento Operacional, informa que o tráfego de veículos está funcionando em sistema de pare e siga.

Esta obra e a da rua Barão de Congonhas fazem parte de um pacote de recapeamento que está sendo feito por toda a cidade. O serviço deve seguir para a rua Casa de Pedra (Vila Andreza), av. Nápolis (Jardim Vila Andreza) e o acesso que liga a UBS de Santa Quitéria ao Ginásio Poliesportivo da localidade. O trabalho já foi realizado na rua do Rosário e na rua Barão de Eschweg, no ponto que liga o novo Rosário ao Poliesportivo da Matriz.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, árvore, céu, atividades ao ar livre e natureza

Outro ponto recebe manutenção

Outro ponto da av. JK que passa por reforma fica na altura do Terminal Rodoviário. Para resolver o acúmulo de água das chuvas, está sendo realizado o fresamento do asfalto nesse trecho, que depois será recapeado. Também será instalada uma boca de lobo.

Publicado em Ultimas de Congonhas

O Governo Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Obras, está executando a fresagem (corte) do asfalto na av. JK, entre a ponte de acesso ao bairro Belvedere e a rotatória que indica a saída de veículos com destino a Belo Horizonte. O serviço, que começou na ponte próxima ao Terminal Rodoviário, seguirá até o ponto de acesso à BR-040. Em seguida, todo o trecho será recapeado, dando mais comodidade e segurança aos motoristas.

O Departamento de Trânsito, por meio de seu Departamento Operacional, informa que o tráfego de veículos voltará a funcionar, a exemplo desta sexta, em sistema de pare e siga nesta segunda-feira, 13.

Recapeamento

Outro trecho da cidade já recebeu o recapeamento, a rua Barão de Congonhas, entre a quadra de esportes do Rosário até a COPASA.

http://www.congonhas.mg.gov.br/wp-content/uploads/2017/11/DSC_0192.jpg


Após passar por uma obra de drenagem, a av. Bias Fortes foi recapeada no trecho entre os números 657 e 1209, próximo à praça Bandeirantes. A obra foi concluída nesta quinta-feira, 31, e o trânsito liberado. As atividades serão retomadas após o Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matosinhos entre a praça Bandeirantes e a rua Mariana, completando, assim, o trabalho iniciado pelo ex-prefeito Anderson Cabido naquela área da cidade.

O Governo Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Obras (SEOB), implantou manilhas de 600 mm e bocas de lobo em toda a via, que vão ajudar na captação e no escoamento da água pluvial (água das chuvas) na av. Bias Fortes. A COPASA também substituiu uma rede de distribuição de água antiga para uma feita com PVC. Essa obra melhora a qualidade de vida da população, que tinha suas casas atingidas pela enxurrada durante o período chuvoso.

Publicado em Ultimas de Congonhas

Rodeada por uma beleza exuberante, a estrada que liga Santa Quitéria à sede do município de Congonhas reúne diversas histórias. Os oito quilômetros de chão fazem diferença na vida dos moradores do bairro, que já enfrentaram muita poeira e lama para chegar aos seus destinos, mas agora veem um sonho sendo realizado. O trecho, que antes era de terra, está pavimentado e sinalizado, interferindo na mobilidade urbana, no desenvolvimento econômico e, principalmente, na qualidade de vida da população. Para comemorar esta conquista, a Prefeitura e toda a comunidade de Santa Quitéria vão promover, neste sábado, 6, uma grande festa, que começa a partir das 13h, e contará com uma programação recheada de cultura, esporte e lazer.

Ao todo, o Governo Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Obras (SEOB), investiu R$ 7.488.806,88 na obra, executada pela Cadar Engenharia Construções Ltda. A princípio, os 20 km de extensão da estrada até o Centro de Jeceaba seriam contemplados com pavimentação pelo Programa Caminho de Minas, do Governo do Estado, que desistiu do compromisso.

Antes da pavimentação, foi realizado todo o serviço de infraestrutura: drenagem superficial da via com colocação de meio-fio, canaletas e caixa de passagem, além de regularização do subsolo. A estrada recebeu, ainda, sinalização horizontal e vertical. Todos os serviços foram realizados no padrão determinado pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

O bairro também recebeu melhorias na infraestrutura urbana. As ruas Padre Pedro Pinto, José Afonso Azevedo, Cristo Rei e Presidente Dutra foram recapeadas e sinalizadas. A Atual Administração também está investindo no esporte e lazer para a comunidade: a construção do Ginásio Poliesportivo está em fase de finalização.

Progresso

O asfaltamento da estrada era um anseio antigo da comunidade. Nascida e criada em Santa Quitéria, Maria Luzia de Oliveira, 77, diz que este é um sonho realizado. "Andávamos a pé carregando criança no colo. Não tínhamos estrada asfaltada, nem condução", relembra. Seu marido, João Luiz, 83, conta sobre os tempos em que caminhava pelo trecho: "Íamos a Congonhas a pé, carregando sacos de mantimentos nas costas. A estrada tinha muito bicho e muito mato". Anos depois, mesmo usando transporte, o tempo gasto era de 40 minutos. Agora, são 8 minutos. "Achei que ia morrer e não veria esse asfalto", brinca.

A presidente da Associação Comunitária de Santa Quitéria, Aline Soares, relembra os tempos em que estudava na sede do Município, na Escola Municipal Fortunata de Freitas Junqueira, e caminhava comendo goiabas, colidas direto dos pés plantados ao longo da estrada. O sabor da infância traz memórias de uma época em que o acesso à Santa Quitéria era difícil. "O que contamos rindo hoje, para nós era muito sofrimento. E só a gente que viveu é que sabe. A pavimentação é um ganho muito grande mesmo, uma parte muito importante da nossa história. Sabemos que é o progresso chegando e Santa Quitéria avançando", destaca.

Nos dias de chuva, a situação era ainda mais complicada, já que a terra se transformava em barro. Segundo Maria das Graças Gonçalves, quando não havia condução, a única opção para quem trabalhava na sede do Município era caminhar. "Quando chovia aumentava o transtorno. Até mesmo depois do transporte coletivo, era só chover que ninguém passava. A estrada asfaltada é uma grande conquista para nós, parece um sonho", frisa.

Essa é uma situação vivida também por Laurenir Soares, 34, que passa pelo trecho todos os dias. "Há muitos anos esperávamos por esse asfalto, devido às dificuldades que enfrentávamos. Eu era uma das pessoas que ficavam presas na estrada. Às vezes, íamos trabalhar e o ônibus agarrava, até perdíamos o dia de serviço. O asfalto trouxe muitas mudanças e Santa Quitéria está melhorando, tem mais movimento. Foi uma conquista muito grande para os moradores", conta.



Programação da inauguração neste sábado, 6:

13h: Rua de Lazer e jogos festivos de futebol
16h: Carreata até Santa Quitéria. Em seguida, inauguração oficial.
18h30: Show acústico com Rosana e Gilberto
20h: Show com Kadu e Léo

Publicado em Ultimas de Congonhas

Terminou nesta segunda-feira, 30, o asfaltamento da Estrada de Santa Quitéria.

A obra, orçada em R$ 6.970,829,72, foi realizada pela empresa CADAR Engenharia e custeada integralmente com recursos municipais. Antes do asfaltamento foi realizado todo o serviço de infraestrura e drenagem superficial da via com colocação de meio-fio, canaletas e caixa de passagem, além de regularização do subsolo. Todos os serviços foram executados no padrão determinado pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER). A próxima etapa é a implantação de sinalização e de quebra-molas.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé, árvore e atividades ao ar livre

Além da estrada, os moradores de Santa Quitéria foram beneficiados com asfaltamento em todo o bairro, em 2016. O prefeito de Congonhas, Zelinho percorreu a comunidade comemorando o sucesso da obra. “Hoje é um dia de alegria e emoção com a conclusão desta obra tão esperada há muitos anos pelos moradores de Santa Quitéria. Foi grande o sacrifício deles ao logo dos anos, com muita poeira e atolamento de veículos. Hoje, estamos realizando o sonho de muitas pessoas. Em breve, vamos fazer uma festa de inauguração desta obra”, afirmou o prefeito Zelinho.

A moradora Virginia Oliveira ficou muito emocionada com a conclusão do asfaltamento. “É um sonho realizado. Vai melhorar muito a nossa vida e a nossa saúde. Nossos filhos poderão ir estudar com mais tranquilidade também. Uma grande conquista pra gente. Só temos que agradecer”, disse.

Publicado em Ultimas de Congonhas

O Departamento Operacional de Trânsito interditou,

na manhã desta segunda-feira, 28, o primeiro quarteirão da av. Marechal Floriano, entre a praça Mário Rodrigues Pereira (praça dos Bancos) e o Quarteirão Açominas, para troca do asfalto.

O trânsito segue fluindo entre as ruas Benedito Quintino, Padre Antônio Correa e a sequência da Marechal. Assim que chegar o caminhão do asfalto, entre 10h e 12h, a interdição se estenderá até a esquina da Câmara Municipal, para pavimentação.

A rua Pacífico H. Jr. seguirá liberada. Quem estiver na r. Benedito Quintino poderá acessar a Marechal pela travessa Luiz Gonçalves.


Dos 7,6 km de extensão da estrada que liga Santa Quitéria ao Alto do Cruzeiro, 3,6 km já foram asfaltados.

Alguns trechos receberam sarjeta para drenar a água das chuvas, outros, de curvas perigosas, ganharam quebra-molas.

O ritmo da obra foi prejudicado nos últimos meses pela escassez de canga de minério na região, que é utilizada para preparar a base da pista. Com isto, a previsão de entrega da obra foi prorrogada para o início de 2017.

A pavimentação desta estrada beneficia os moradores do bairro Santa Quitéria, sitiantes e até quem se desloca entre Congonhas e Jeceaba.

Os 20 km de extensão da estrada, até o Centro de da cidade vizinha, seriam contemplados com pavimentação pelo Programa Caminho de Minas, do Governo do Estado, que desistiu da empreitada, mas governo municipal assumiu o compromisso de asfaltar o trecho até Santa Quitéria.

Publicado em Ultimas de Congonhas

A Secretaria Municipal de Obras informa que caminhões de asfalto serão pesados neste sábado, 15, a partir das 9h, no pátio da Rodoviária. Os veículos vão seguir para Santa Quitéria, onde o Governo Municipal realiza obras de asfaltamento.

Para evitar transtornos, os motoristas devem respeitar as fitas de isolamento e não estacionar no local.


Página 1 de 2

Banner Direita Interna 11
Banner Direita Interna 12
Banner Direita Interna 13
Banner Direita Interna 21
Banner Direita Interna 22
Banner Direita Interna 23

Indicador Congonhas

O Indicador Congonhas é um portal criado pela jornalista Maria Clara Evangelista com o intuito de informar os internautas, principalmente os que moram em Congonhas e nas cidades vizinhas. Aqui você encontra notícias, atualizações sobre o trânsito e a BR 040, colunas, agenda de eventos, catálogo online, fotos e muitos mais. Faça um tour pelo nosso site e conheça o mais completo portal de informações de Congonhas!

Newsletter Indicador

Assinando o serviço de newsletter você não perderá as principais notícias do Indicador Congonhas, elas serão enviadas diretamente para seu e-mail! Para isso basta cadastrar seu e-mail no campo abaixo. O serviço é grátis!

Indicador Congonhas Instagram